Messi lamenta adiamento da Copa América e fala sobre volta do futebol durante pandemia

Compartilhe

Reprodução Messi em ação pela Argentina na Copa América

Lionel Messi viu o sonho de conquistar o seu primeiro título com a seleção argentina ser adiado em um ano. Em virtude da pandemia de Covid-19, a Conmebol determinou que o torneio seja disputado apenas na metade de 2021. Para o camisa 10 da Albiceleste, a decisão é um “golpe”, mas totalmente compreensível.

“A Copa seria uma grande ocasião para mim este ano e fiquei extremamente empolgado em competir novamente. Foi difícil quando soube que seria adiada, mas eu a entendi completamente”, disse o astro sobre o campeonato que terá Argentina e Colômbia como sedes.

Messi também falou sobre o desafio da retomada do futebol durante a crise provocada pelo novo coronavírus. Atualmente, o atual melhor jogador do mundo está treinando com os seus companheiros de Barcelona.

O Barcelona, de Lionel Messi e Arturo Vidal, já retornou aos treinamentos

“A preparação do grupo é igual à de outros jogos. Mas individualmente, cada pessoa precisa preparar e visualizar a partida sem torcedores, porque é muito estranho”, comentou.

“Não podemos insistir no que vamos deixar para trás este ano. É melhor olhar para o futuro. Volte à rotina diária de treinamento, veja os companheiros de equipe, jogue os primeiros jogos. Tenho certeza de que no começo será estranho, mas estou ansioso para competir novamente “, finalizou Messi.