Hospital de campanha no Anhembi deve começar a funcionar em 6 de abril

Compartilhe

EFE/ Joédson AlvesTodos ambientes foram montados com estruturas de plástico, com um material semelhante ao PVC

A prefeitura de São Paulo espera iniciar a operação no hospital de campanha montado no Anhembi a partir do dia 6 de abril.

Ao todo, serão 1.800 leitos para atender pacientes infectados pelo coronavírus que não estejam em estado grave.

Os espaços ficam em duas áreas do Sambódromo. Todos ambientes foram montados com estruturas de plástico, com um material semelhante ao PVC

O prefeito Bruno Covas visitou o local nesta quarta-feira (24). Após a vistoria, Covas disse que as estruturas provisórias devem estar prontas na semana que vem.

Segundo a secretaria municipal da Saúde, o hotel Íbis, que fica ao lado do Sambódromo, será utilizado como dormitório para todos os profissionais que vão trabalhar no hospital de campanha

O prefeito disse ainda que não possível prever quando as medidas de isolamento social adotadas na cidade de São Paulo terão fim.

*Com informações do repórter Leonardo Martins